Sistema Android é o mais exposto a hackers

É impossível ignorar o sucesso do Android no Mobile World Congress, mas, para os analistas, ele é também o calcanhar de Aquiles do Google

Justin Sullivan/Getty Images/AFP
Sistema Android
 Sistema Android: o número de ataques cresceu 155% em um ano, passando de 11.318 em 2010 para 28.472 em 2011

Barcelona - No momento em que os smartphones, aparelhos conectados à internet de forma permanente, são alvos cada vez mais frequentes de hackers, o popular sistema operacional Android, do Google, aparece como o mais exposto a esta ameaça, afirmam os especialistas.

É impossível ignorar o sucesso do Android no Mobile World Congress, que acontece nesta semana em Barcelona: na ausência da Apple (que se recusa a participar de eventos deste tipo), o sistema ocupa um espaço imenso no congresso, com o seu mascote (um robô verde), e está presente na maioria dos novos aparelhos desenvolvidos para a ocasião.

Mas, para os analistas, ele é também o calcanhar de Aquiles do Google.

"Isto é preocupante no modelo Google, mas é também o que é bonito, seu ambiente aberto", diz Cesare Garlati, diretor de mercado da companhia de segurança Trend Micro.

Como é aberto, qualquer um pode criar ou instalar um aplicativo em um telefone Android, ressalta. No caminho inverso, a Appstore da Apple é extremamente controlada, o que impõe um rigoroso controle antes de dar uma permissão.

"No fim das contas, quanto ao modelo de segurança Android, cabe ao utilizador final a responsabilidade de julgar se um aplicativo é seguro", afirma Garlati, que acrescenta: "acho que é pedir muito ao utilizador. Quem é capaz de compreender se um vendedor (de aplicativo) é legítimo?".

Uma pesquisa realizada pela Trend Micro com analistas independentes com mais de 100 elementos de segurança dos quatro principais sistemas operacionais -- iOS da Apple, Blackberry, Android e Windows da Microsoft-- posicionou o Blackberry como o mais seguro... e o Android como o mais vulnerável.

Como ele é voltado para o mercado profissional, o Blackberry sempre foi muito rigoroso neste quesito, enquanto o iOS, em segundo lugar na pesquisa, é particularmente controlado pela Apple.

Via Exame

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages