You Are Here: Home - Estadão , Noticias - Facebook apresenta novas opções para anunciantes

Anúncio. TechCrunch mostra foto de como será a página do Facebook após log out     

Prestes a abrir capital, o Facebook anunciou ontem ferramentas de publicidade que devem deixar a empresa mais lucrativa. A partir de abril, o usuário poderá encontrar, ao sair da rede social, o anúncio de algum produto, informou a empresa em sua conferência de marketing.

O recurso, chamado pela companhia de Mark Zuckerberg de “anúncio premium”, é tido como eficiente no mercado. Não há, em geral, nada que gere distração na página. Assim funciona no Gmail — ao sair do e-mail, a página seguinte exibe um anúncio grande na parte de baixo do site.

No caso do Facebook, os anúncios deverão ocupar praticamente a página inteira, conforme foto publicada no TechCrunch (veja acima). A empresa contou que 37 milhões de pessoas fazem o “log out” (saem de suas contas no site) a cada dia, segundo o blog de tecnologia.

Outra ferramenta anunciada pela rede social são as “histórias patrocinadas” no feed de notícias do Facebook móvel, no ar desde ontem. Trata-se de posts pagos por empresas ou indivíduos que querem destacar determinado conteúdo na rede social.  O sistema assemelha-se ao do Twitter, que também anunciou nesta semana a expansão de seu programa de publicidade para iPhone e aparelhos com Android.

O Facebook ainda apresentou formalmente a ferramenta “ofertas”, disponível na rede desde dezembro de 2011, segundo o TechCrunch. O recurso dá a empresas a possibilidade de compartilhar e vender cupons de descontos aos usuários.

Os anúncios na barra lateral, também disponíveis há poucos meses, foram apresentados como parte do pacote de opções de publicidade online na rede.

Crucial

Em 2011, os ganhos do Facebook com publicidade responderam por 85% da receita total de US$ 3,71 bilhões. “A companhia faz dinheiro de acordo com o número de vezes que um usuário vê um anúncio ou clica em um anúncio”, explica o Wall Street Journal.

Embora tenha superado o Yahoo no negócio da publicidade online no ano passado, o Facebook é visto com certa desconfiança nesse segmento. Quando registrou o pedido de oferta pública inicial de ações (IPO), a rede social descreveu vagamente como funciona seu sistema de anúncios online, segundo o All Things D. O blog chegou a qualificar o negócio como “misterioso”.

Além disso, lança-se o desafio de fazer 800 milhões de usuários tolerarem propagandas. Dilema de toda rede social, aliás, quando chega o momento de ganhar dinheiro de verdade.

Via Estadão
Tags: Estadão , Noticias

0 comentários

Leave a Reply

Template desenvolvido por The Simplex Design e modificado por It's Rock © 2012

Todas as imagens de filmes, séries e etc são marcas registradas dos seus respectivos proprietários