Linus Torvalds critica distros que pedem senha de root para tarefas comuns

Opinião pessoal não deve ser levada em conta na hora de generalizar sobre determinado sistema, mas quando essa opinião vem de alguém com grande influência na origem do mesmo, não dá para deixar o caso passar despercebido. Linus Torvalds desabafou no seu Google+ sobre as políticas de segurança do OpenSUSE.

Ele gostou tanto do OpenSUSE porque a instalação rodou bem no Macbook Air dele, mas depois de uma tentativa prática com os familiares desistiu da distro e procura uma alternativa melhor para usuários comuns.

Basicamente a crítica - compartilhada por milhares de usuários de Linux - é a necessidade de usar a senha de root para realizar tarefas óbvias num desktop.

Linus não gostou de precisar fornecer a senha de root para configurar coisas simples como adicionar uma nova rede wireless ou trocar o fuso horário. Ele passou semanas no bugzilla da distro tentando convencer os produtores a mudarem de ideia quanto a isso, e parece que conseguiu para as redes wireless, mas o problema persiste para trocar o fuso.

Ontem a Daniela, filha dele, ligou da escola pedindo a senha de root porque não podia adicionar a impressora da escola sem a mesma. Ele desabafou de forma bastante pessoal, comentando que quem acha uma "boa segurança" pedir a senha de root para tarefas cotidianas é um idiota ou débil mental. E terminou com um clássico "se mata; o mundo será um lugar melhor".

O problema de pedir a senha de root nesse caso não afeta apenas o uso doméstico, mas também corporativo. É um ponto negativo do pinguim que algumas distros passam com suas configurações default. Segurança exagerada acaba sendo pior do que não fornecer segurança alguma.

Agora ele procura outra distro para o notebook, e provavelmente muitos usuários domésticos leigos também fizeram, fazem e farão o mesmo ao lidar com casos assim.

Essas pequenas coisas ajudam a desanimar ainda mais o antigo sonho de parte da comunidade de software livre de ver o Linux se popularizar nos desktops. Sistemas projetados para desktops devem ter um comportamento prático aceitável. Quem sabe depois desse desabafo dele os mantenedores de outras distros repensem suas políticas default. A senha de root serve para proteger o sistema todo; não faz sentido ter que digitá-la para atividades cotidianas, já que isso implicaria em qualquer usuário comum possuir a senha, invalidando o objetivo original dela.

Via Hardware

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages