Computação óptica pode mudar a forma como os PCs são produzidos

Pesquisadores da HP Labs estudam formas alternativas para a fabricação de computadores com componentes fotônicos.


Os cientistas já descobriram como construir chips fotônicos – que utilizam pulsos de luz em vez de elétrons para funcionar. Esses novos componentes poderiam acelerar o tráfego de dados entre redes de fibra óptica, eliminando-se o processo de conversão. Com isso, estamos mais próximos de ver a computação óptica em ação e ter PCs ultrarrápidos e com menor consumo de energia.

Nesse sentido, segundo o site The Verge, pesquisadores da HP Labs estudam as possibilidades dessa tecnologia mudar a forma como os computadores serão produzidos no futuro. De acordo com Moray McLaren, um dos cientistas envolvidos no projeto, esse tipo de componente (como moduladores, detectores, guias de ondas e filtros) se tornaram essenciais no funcionamento das máquinas.

O pesquisador acredita em duas variações possíveis para a fabricação de PCs. A primeira delas consistiria em adaptações entre as tecnologias convencional e óptica por meio de “fios inteligentes”, capazes de realizar o trâmite de dados de maneira mais eficiente.

A segunda perspectiva é mais radical. Tendo em vista que a comunicação óptica é muito diferente da eletrônica, McLaren prevê uma completa reavaliação de como os computadores são produzidos.


Via Tecmundo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages